terça-feira, janeiro 30, 2007

Acção sobre Blogues - parte II (continuação)

Embora com poucos participantes e com (novamente...) problemas técnicos com a Internet, lá fizemos a 2ª parte da Acção. Não deu para falar de tudo o que se pretendia, mas na página de apoio à Acção (ver AQUI) deixámos alguns materiais novos e iremos, brevemente, disponibilizar mais coisas...

A parte mais divertida (a descoberta no YouTube de um vídeo muito interessante feito por uns alunos nossos...) merece um novo vídeo (em substituição do anterior, que, misteriosamente desapareceu...) em que os personagens são os participantes da actividade.

Prevê-se ainda a reedição da Formação, numa quarta-feira das 15.00 às 18.00, em data a combinar com a Comissão Executiva da Escola.

Portal Cienciapt.NET

Até amanhã, 31 de Janeiro, as Escolas podem subscrever o Portal Cienciapt.NET por apenas 50 Euros por ano.

Extraordinariamente, a Empresa alargou o prazo para dar oportunidade a todos os interessados em ter acesso completo e exclusivo aos seus conteúdos. A partir de 1 de Fevereiro o valor será actualizado para 60 Euros...

Aproveite já! O Blog Geopedrados recomenda vivamente este serviço...!

Como Subscrever?
- Preencher o formulário por completo (todos os campos são obrigatórios);
2º - Validar o pedido de subscrição;
3º - Na sua caixa de correio electrónico irá receber os seus dados de a
cesso e as formas de pagamento;
4º - Efectuar o pagamento de 50 Euros por transferência banc
ária (NIB 0010 0000 33427240001 11 - utilizando o código fornecido para identificar a sua transferência) ou por cheque (à ordem de CienciaMetrics, enviando por correio para a seguinte morada: Rua Nova do Soares, Ed. Quinta das Pratas, Loja 4 R/C, 2070-110 Cartaxo);
5º - Depois é só introduzir os seus dados de acesso (nome de uti
lizador e palavra-passe) na caixa de acesso em www.cienciapt.net;

Em caso de dúvida contactar através do e-mail vgaspar@cienciapt.net ou da linha telefónica de apoio 243 704 771.

Serviços Incluídos na Subscrição Individual do Portal Cienciapt.NET:

e.Ciência - Revista Electrónica Semanal (PDF)

  • Todas as 5ª's Feiras uma nova edição
  • Mais de 2 anos de edição disponíveis para download (125 Números)
  • Acesso à edição completa (permite copiar imagens e texto, imprimir, extrair páginas e todas outras potencialidades dos PDF's, ...)
  • Edição desta semana dedicada às Cidades e Regiões Digitais



Mundus
- Revista Electrónica Mensal (PDF)

  • Todos os meses uma nova edição
  • Mais de 1 ano de edições disponíveis para download (15 Números)
  • Acesso à edição completa (permite copiar imagens e texto, imprimir, extrair páginas e todas outras potencialidades dos PDF's, ....)
  • Edição deste Mês dedicada à Ciência nos PALOP'S


Serviços Digitais Disponíveis

  • O Diário da Ciência -Newsletter diária de com os destaques noticiosos do dia;
  • O Semanário da Ciência - Aos sábados e domingos todas as notícias da semana;
  • Financiamento e Emprego - As principais oportunidades do mercado;
  • Agenda de eventos - os principais congressos e eventos da sua área científica;
  • O Atlas da Ciência -Directório de unidades de investigação e ensino;
  • Pesquisa Avançada - Encontre todos os conteúdos do portal;
  • Arquivo de Notícias - mais de 3 anos de notícias disponíveis;
  • Serviço de RSS - Todas as notícias do portal disponíveis no seu Feed de RSS;
  • Call for Papers - submeta os seus papers para principais conferências.

segunda-feira, janeiro 29, 2007

quarta-feira, janeiro 24, 2007

II Curso a distância Moodle/GEOTIC

1. O Moodle

O Moodle (http://www.moodle.org) é um sistema online de gestão da aprendizagem e de trabalho colaborativo, de utilização livre.

O 2.º Curso de Formação na utilização do Moodle GEOTIC pretende introduzir este sistema de gestão da aprendizagem a educadores ou outros profissionais interessados em usá-lo como plataforma de apoio às aulas presenciais, em actividades de ensino a distância, e/ou de portefólio. O Moodle foi desenhado tendo como modelo orientador uma perspectiva social-construccionista da aprendizagem e será essa a abordagem utilizada neste curso.

O Moodle tem tido um crescimento exponencial nos últimos anos, inclusivamente em Portugal, quer a nível do ensino superior, quer a nível do ensino básico e secundário. A nível de centros de formação, a penetração é também grande.

A unidade de missão do Ministério da Educação responsável pela área das TIC nas Escolas, CRIE, tem dinamizado a oferta Moodle às escolas do país através dos Centros de Competência. Está ainda em fase de pré-projecto um moodle.edu.pt, de cariz nacional, para todas as escolas do país.

No ensino superior, são várias as universidades que optaram pelo Moodle. (Universidade do Algarve, Aberta, Coimbra, Évora, Faculdade de de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa, Faculdade de Engenharia, Ciências e Medicina da Universidade do Porto, Instituto Politécnico de Setúbal, Leiria, Porto, etc.)


2. O Curso

O 2.º curso de formação de professores na utilização do Moodle resulta de um primeiro trabalho com professores de várias áreas e níveis de ensino, em Fevereiro de 2006. A experiência, bastante positiva, e o feedback recebido dos participantes levaram a uma reedição do curso, que esperamos ir de encontro às expectativas dos participantes.

Objectivos: Desenvolver competências básicas na utilização do Moodle para actividades lectivas (disponibilização de conteúdos, documentos, imagens, vídeos, áudio, animações), realização de tarefas online (fóruns de discussão, chat, entrega de trabalhos online, testes, inquéritos, glossários, texto em colaboração, etc.) e funcionalidades de avaliação (grelha de classificação de trabalhos).

Formadores:
Paulo Legoinha (Departamento de Ciências da Terra da FCTUNL)

João Fernandes (FCTUNL - Equipa de administração do Moodle@FCTUNL)

Hugo Domingos (FCTUNL - Administrador do site do projecto Ciência na Escola)


Modo de Funcionamento: O curso baseia-se em estudo e realização de tarefas online através do acesso a uma página de trabalho na plataforma Moodle@FCTUNL (com apoio e supervisão dos formadores). Cada formando terá também a sua página de trabalho individual onde poderá desenhar o seu próprio "curso" à medida que for aprendendo a trabalhar com as várias funcionalidades do Moodle na formação. O curso decorre durante 10 dias, podendo os formandos gerir o seu tempo de aprendizagem e de realização das tarefas, tendo sempre disponível o acesso à plataforma de aprendizagem e o apoio dos formadores em modo síncrono e/ou assíncrono. Os formandos poderão continuar a utilizar o sistema após o curso.


Pré-requisitos: Computador com ligação à Internet (de preferência de velocidade igual ou superior a 128 Mbps) e conta de e-mail.


Datas da Formação: 26 de Fevereiro a 8 de Março de 2007

PRÉ-INSCRIÇÃO (até 8 de Fevereiro)

Os eventuais interessados devem efectuar a pré-inscrição até 8 de Fevereiro. Serão depois contactados por e-mail pelos formadores.


INSCRIÇÃO E MODALIDADE DE PAGAMENTO (até 16 de Fevereiro)

Após recepção da segunda circular, confirmando a pré-inscrição, tem a hipótese de fazer o pagamento do curso da seguinte forma:

  1. Por transferência bancária, 35 euros para o NIB 003502980000259893091 , indicando no campo informações o seu e-mail antes da @
  2. Por correio, enviando cheque à ordem de GEOTIC no valor de 35 euros.
Morada para envio do cheque:

GEOTIC /SGP (ao c/ de Prof. Paulo Legoinha)
Departamento de Ciências da Terra
Faculdade de Ciências e Tecnologia
Quinta da Torre
2829-516 CAPARICA

Para qualquer informação ou esclarecimento adicional contacte João Fernandes (jpsf@fct.unl.pt) ou Paulo Legoinha (pal@fct.unl.pt)

domingo, janeiro 21, 2007

Património geológico e geomorfológico e desenvolvimento do Sicó

No dia 25 de Maio de 2007 (6ª-feira) realizar-se-à, no Município de Alvaiázere, um Colóquio subordinado ao tema:

Desenvolvimento sócio-económico promovido pelo Património Geológico e Geomorfológico nas Terras de Sicó


Este evento será realizado na Casa da Cultura de Alvaiázere e o número de participantes será limitado ao número de lugares do auditório (cerca de 200).

Todas as informações necessárias para os interessados estarão disponíveis apenas a partir do mês de Fevereiro (sensivelmente a meio) no site da Câmara Municipal de Alvaiázere, onde será possível fazer download de todas as informações necessárias.

Logo que o programa do colóquio esteja completo serão dadas as respectivas actualizações, já que o quadro de oradores ainda não está totalmente completo e falta apenas confirmação de 3 oradores. Para já estão confirmadas as presenças de especialistas da Universidade do Minho, de Coimbra e reunidos apoios, a divulgar em tempo oportuno.

É um evento organizado pela Câmara Municipal de Alvaiázere e pretende, acima de tudo, alertar para um património que está por identificar, consciencializar os autarcas da região, fazer a ponte entre a ciência e o cidadão e também suscitar o interesse em desenvolver nesta região um Geoparque, o que, pela investigação que se tem feito em Alvaiázere e pelo que conhece das Terras de Sicó, pode ter muito potencial e interesse implementar como modelo de desenvolvimento para toda a região das Terras de Sicó.

Consciencializando todos para esta questão, poderá ser que surja o efectivo interesse em desenvolver algo que em termos de sustentabilidade ambiental, proveito económico e valorização cultural seria estruturante para o futuro!


Texto adaptado de e-mail da mailing-list GEOPOR, de João Forte.

Balanço das Conferência do NEL


Fechou com chave de ouro esta brilhante iniciativa do NEL, com uma palestra magnífica e com os materiais que o NECA vendeu aos participantes - o livro O fantástico mundo oculto dos minerais, o DVD Expedição à Gruta do Frade e os CD's Gruta do Frade, Gruta da Utopia e Sistema Cársico do Frade. Eu comprei tudo (em dose dupla...) para poder oferecer a amigos, mas o NECA e, em particular, o Francisco Rasteiro, estão de parabéns...



Também a Câmara Municipal de Leiria, o Instituto Politécnico de Leiria - Escola Superior de Educação de Leiria, a Federação Portuguesa de Espeleologia, a Junta de Freguesia de Leiria e a Papelaria ALI BABÁ, por terem apoiado o evento, estão de parabéns.

Para o ano (este ano, quero dizer...) esperamos novas temáticas e sugerimos que tragam o geógrafo Professor Doutor Lúcio Cunha, o geólogo Professor Doutor Jorge Dinis e o arqueólogo Professor Doutor João Zilhão - só assim pode ainda ser melhor o ciclo de Palestras, dado o nível deste ano...!

Para terminar, um pequeno filme do evento:





Fotos da 6º Conferência NEL - V




Posted by Picasa

Fotos da 6ª Conferência NEL - IV




Posted by Picasa

Fotos da 6ª Conferência NEL - III




Posted by Picasa

Fotos da 6º Conferência NEL - II




Posted by Picasa

Fotos da 6ª Conferência NEL




Posted by Picasa

sábado, janeiro 20, 2007

Acção sobre Blogues - conclusão

Utilização de Blogues como ferramenta de trabalho em Contexto Escolar - II



Realizou-se no dia 22.11.2006, das 14.15 às 16.15 horas, na Sala da Internet da Escola Correia Mateus, uma mini-formação sobre Blogues. Com a presença de 24 pessoas (um bocadinho exagerado o número, mas o interesse da malta era tanto que...) decorreu com alguns sobressaltos iniciais (o videoprojector dava uma imagem pequena e o portátil de substituição crashou...). No entanto toda a gente saiu dali a saber fazer um blogue e a modificá-lo, embora precisasse de mais uma hora para os pormenores que qualquer blogger gosta de aprender (os pormenores que podem tornar único um determinado Blogue...).

Assim, em 24.01.2007 (4ª-feira), das 14.30 às 16.00 horas, na Sala da Internet, decorrerá a continuação da Acção, só para quem fez a primeira sessão, devendo desta vez cada um ter um e-mail do GMAIL.

Actividades: Workshop para professores sobre aprofundamento de conhecimentos sobre a utilização em contexto escolar dos Blogues da Blogger na divulgação científica, no uso com turmas e na sua adaptação ao uso local escolar. Será agora dada ênfase à colocação on-line de documentos, modificação de Blogues (cores, imagens, tipos de letras, gadgets, links, etc.) e à utilização de outras ferramentas da Google que o e-mail da GMAIL dá acesso (construção de sites da Internet com o Googlepages, Agenda, etc.).

Formador: Fernando João Fernandes Oliveira Martins.

Organização: Equipa TIC da Escola, Departamento de Ciências Físicas e Naturais e Blog Geopedrados.

Inscrições: Na folha presente na Sala dos Professores da Escola Correia Mateus, por e-mail (fernando.oliveira.martins@gmail.com) ou Fax (244 854 019), indicando Nome, Grupo Disciplinar, e-mail (da GMAIL…) e Escola onde lecciona.

O site que serviu de suporte à primeira sessão da Acção continuará a servir de apoio, em:
http://blogues.correiamateus.googlepages.com/home

NOTA: Em data oportuna será divulgada a 2ª Sessão da Acção, para quem não pode vir às duas primeiras...

quinta-feira, janeiro 18, 2007

Proposta de Modelo - Avaliação Intercalar da Turma


A Ana Rola enviou-me o seguinte modelo, para ser avaliado pelos docentes do Departamento e, eventualmente, melhorado ou modificado.

Para o obter clicar AQUI.

Os óleos de cozinha e o Ambiente


NOTA: Em Portugal qualquer ETAR retira, depois da entrada das águas residuais, imensas quantidades de gorduras, mais ou menos solidificados (embora correndo o risco de bloquear os filtros...). A solução de mandar para o lixo, em saco fechado (ou tetrabrik ou garrafa) implica que esta seja compactada no camião de recolha de lixo e leve com um peso de trinta toneladas no aterro (logo, acaba por sair e, mais tarde ou mais cedo, irá ter a uma ETAR...). A solução passa por nós próprios reciclarmos o óleo (fazer biodisel ou sabão...!) ou o Estado criar Oleões (e os municípios que o fizeram dizem que não dão bons resultados) para recolha dos óleos usados.

Evolução morfológica dos primeiros europeus

Português entre cientistas que revelam evolução morfológica dos primeiros europeus
15.01.2007 - 22h14 Lusa
Os primeiros seres humanos modernos que chegaram da África há 40 mil anos continuaram a evoluir através do contacto com os Neandertais, revelou um estudo elaborado por vários cientistas, entre eles um investigador português da Universidade de Lisboa.

O estudo, publicado hoje na revista "Proceedings of the National Academy of Sciencies", foi elaborado por um grupo de cientistas europeus e norte-americanos, entre os quais o arqueólogo português João Zilhão, professor do Departamento de Arqueologia da Universidade de Bristol, na Inglaterra, e professor auxiliar do Instituto de Arqueologia da Universidade de Lisboa.

Os cientistas compararam os traços físicos nos restos de crânios dos primeiros seres humanos modernos, encontrados em 2003 na caverna "Petera Cu Oase", no Sudoeste da Roménia, com outras amostras do mesmo período Plistocénico.

Segundo o estudo, as diferenças entre os crânios sugerem "uma complexa dinâmica demográfica, à medida que os seres humanos modernos se dispersavam na Europa".

O estudo indica que os fósseis comparados - fragmentos cranianos e de uma mandíbula - têm mais ou menos a mesma idade (35 mil a 40.500 anos, respectivamente) e constituem o conjunto craniano do ser humano moderno mas antigo jamais encontrado na Europa, assim como a melhor prova da sua aparência física.


Primeiros humanos modernos estabeleceram-se no Este europeu

Um comunicado divulgado na semana passado pela revista "Science" assinala que os primeiros seres humanos modernos estabeleceram-se no Este da Europa, nas margens do Rio Don, depois de terem chegado, oriundos da Africa subsahariana, há cerca de 45.000 anos.

Os cientistas indicaram na revista "National Proceedings of the National Academy of Sciences" que a comparação dos fragmentos cranianos romenos com os outros crânios revelou características dos seres humanos actuais, como também dos Neandertais, porém, também características importantes que não se apresentam na moderna estrutura óssea da cabeça.

Segundo os especialistas, estas diferenças incluem um achatamento frontal, uma "protuberância mastóide" bastante grande, assim como molares superiores com uma progressão no tamanho, característica dos Neandertais.

Segundo João Zilhão, as diferenças colocam interrogações importantes sobre o desenvolvimento morfológico dos seres humanos, uma vez que estas "podem ser o resultado de uma regressão evolutiva ou o reflexo de uma amostra paleontológica incompleta da diversidade humana no "Paleolítico Médio".

"Também podem constituir prova de uma mistura com as populações Neandertais, à medida que esses seres humanos se propagavam através da Europa ocidental.


Cientistas acreditam em interacção biológica e cultural entre seres humanos modernos e arcaicos

Segundo o arqueólogo português, o resultado desta combinação podem ter sido características arcaicas dos Neandertais e combinações especiais que surgiram da mistura de traços de diferentes conjuntos genéticos.

Para Zilhão, a resolução final destas questões vai ter de aguardar pelo estudo de outras amostras fósseis dos primeiros seres humanos que povoaram a Europa, como também de outros espécimes que intervieram na sua evolução morfológica.

Mesmo assim, o português assinala que os estudos dos crânios, encontrados na Roménia somam-se a "um conjunto já existente de evidências fósseis, genéticas e arqueológicas que indicam uma importante interacção biológica e cultural entre os seres humanos modernos e as populações anatomicamente arcaicas, incluindo os Neandertais, com os quais se iam encontrando no seu avanço até Europa ocidental".

in Público - ver notícia

sexta-feira, janeiro 12, 2007

Cometa visível em Portugal


Se olharem com atenção para poente vão ver um espectáculo raro: um cometa visível a olho nu (que saudades do Hale-Bopp, de 1997...). Trata-se do Cometa C/2006 P1 McNaught, que será visível apenas nos próximos dias.

Aqui fica uma carta celeste com a variação da sua posição (notação dos dias à americana...):



quinta-feira, janeiro 11, 2007

Seminário Nacional Eco-Escolas 2007


Programa
Sexta-feira, 12 de Janeiro
9h30
  • Local: Centro Cultural Olga Cadaval
::: sessão de abertura
  • Dr. Valter Lemos - Sr. Secretário de Estado da Educação.
  • Prof. Gonçalves Henriques - Presidente do Instituto do Ambiente.
  • Dr. Fernando Seara - Presidente do Município de Sintra.
  • Dr. José Archer - Presidente da Associação Bandeira Azul da Europa.
10h00
::: comunicações
  • Programa Eco-Escolas 2006-2007. Margarida Gomes. ABAE.
  • Agenda 21, Educação para a sustentabilidade e Eco-Escolas. Teresa Fidelis. Universidade de Aveiro.
11h00
::: intervalo
11h20 - 13h00
::: painel I - Alterações Climáticas
  • Moderadora: Isabel Raposo. Instituto do Ambiente.
::: comunicações
  • Energia e Alterações Climáticas. Inês Mourão. Ecoprogresso.
  • Transportes e Alterações Climáticas. Carla Silva. IST.
  • Água e Alterações Climáticas. Vanda Cabrita. IMG.
  • Biodiversidade e Alterações Climáticas. Cristina Vieira. ICN.
13h00 - 14h30
::: Eco-Mostra
  • Local: Quinta de Santo António
  • Estarão patentes durante os dias 12 e 13 as seguintes exposições:
    • Eco-Escolas: trabalhos do 6º Concurso Nacional Poster Eco-Código, alguns Relatórios de Candidatura ao Galardão bem como outros materiais diversos relacionados com o Programa.
    • Municípios: exposição subordinada ao tema: "Educação Ambiental no município de...".
  • Várias entidades foram ainda convidadas a integrar uma Eco-Mostra que pretende ser um espaço de divulgação de recursos em educação ambiental: Agricultura Biológica - Mucifal; AMI; Ancorensis Coop. de Ensino; APG; Artesanato Mão Livre; Casas Ninho; Cevinta; CIDAC; Colégio Rainha D. Leonor; Comércio Justo; Eco-Mania; Etnyk; FAPAS; Flôr de Algodão; Formato Verde; GEOTA; Instituto do Ambiente; LPN (**); Loja sem Sim; Olho Vivo; Padre Himalaya; Quercus (**); Tágis; Zóia; Tá-Sol-Júlio Piscarreta; Parque Natural Sintra-Cascais; PATO; ASPEA (**); Troque de Energia (**).
::: almoço
  • Local: Quinta de Santo António
14h30 - 16h30
::: ateliers
  • Oito workshops relacionadas com os temas de trabalho Eco-Escolas:
  • atelier 1 - Energia Solar. David Loureiro. INETI/SPES. Padre Himalaya.
  • atelier 2 - Energia, Ambiente e Alterações Climáticas. Ageneal.
  • atelier 3 - A água e o efeito de estufa. Centro de Ciência Viva de Sintra.
  • atelier 4 - Agricultura Biológica e Plantas Aromáticas. Fernanda Botelho.
  • atelier 5 - Antídoto. Ricardo Brandão. Programa Antídoto.
  • atelier 6 - A processionária. Lurdes Inácio. Estação Florestal Nacional.
  • Reunião do Grupo "Critérios de Qualidade para Escolas de Educação para o Desenvolvimento Sustentável" (Escolas-Piloto).
16h30
::: intervalo
16h45 - 18h45
  • Local: Quinta de Santo António
::: fóruns de debate
Temas e respectivos grupos de trabalho:
  • Tema Professores: "Metodologias e Estratégias nas Eco-Escolas "
  • Coordenação dos grupos: Maria Luisa Pipa (P1); Marta Albuquerque (P2); José Manuel Silva (P3).
  • Grupos de trabalho de professores: P1; P2; P3.
  • Tema Municípios: "Os municípios e a EA/EDS - critério 1 do ECOXXI ";
    Grupo de dinamização: Manuel Gomes, Jorge Neves, Raquel Mota.
    Grupo de trabalho de técnicos de municípios.
20h30
::: jantar
  • Local: Restaurante "O Tirol". ( mediante inscrição 7€)
Sábado, 13 de Janeiro
9h30 - 11h00
  • Local: Centro Cultural Olga Cadaval
::: painel II - Municípios e Educação Ambiental
  • Moderador: Nuno Lopes. Câmara Municipal de Almada.
  • Município de Sintra. Paula João, Andreia Silva.
  • Município de Évora. Filomena Araújo.
  • Município da Maia. Helena Lopes.
  • Município de Pombal. Paula Silva.
11h00
::: intervalo
11h30 - 13h00
  • Local: Quinta de Santo António
::: fóruns de debate
Conclusão dos trabalhos em grupo iniciados na tarde do dia anterior: preparação da apresentação das conclusões.
  • Grupos de trabalho de professores: P1; P2; P3.
  • Grupo de trabalho de técnicos de municípios.
12h45
::: Eco-Mostra
  • Local: Quinta de Santo António
::: almoço
  • Local: Quinta de Santo António
14h15 - 17h30
  • Local: Centro Cultural Olga Cadaval
::: painel III - Escolas e Educação Ambiental/EDS
  • Moderadora: Maria Luísa Ucha. Ministério da Educação.
::: comunicações
  • Escolas na Natureza. José Alho. ICN.
  • Educação Ambiental no Brasil. Fátima Morosine.
  • Critérios de Qualidade em Escolas de EDS. Manuel Gomes.
::: intervalo
15h45
::: painel IV - Projectos em Eco-Escolas
  • Moderadora: Maria Luísa Ucha - Ministério da Educação.
::: comunicações
  • Escola da Energia - Energia para Eco-Repórter. Ana Cristina Ramos, Deolinda Pires. ABAE, Galp Energia.
  • Eco-Escola EB I c/ JI D. Carlos I. Paula Mendes. Sintra.
  • Eco-Escola EB 2, 3 de Algoz. Homero Costa. Silves.
  • Eco-Escola EB 2,3/S Gonçalves Zarco. José Manuel Silva. Funchal.
16h45
::: conclusões
Apresentação das conclusões dos grupos de trabalho.
  • Grupos de trabalho de professores: P1; P2; P3.
  • Grupo de trabalho de técnicos de municípios.
17h30
::: sessão de encerramento
::: peça de teatro musical
  • "Planeta da Energia"
  • Grupo: PALMA'S ensemble.
Domingo, 14 de Janeiro
9h30
::: visita
  • Local de concentração: Largo do Palácio da Vila.
  • Tema: "Sintra Ambiente e Património". Câmara Municipal de Sintra.
  • Visita A: Percurso em Sintra e visita ao Palácio da Vila.
  • Visita B: Visita ao Palácio da Regaleira (entrada de 4€ - preço especial para o Encontro).
11h30 e 12h00
::: visita
  • Local de concentração: Largo do Palácio da Vila.
  • Visita: Centro Ciência Viva de Sintra.
  • (**) a confirmar.

Conferência sobre Espeleologia

A última sessão das Conferências sobre Espeleologia do NEL, sucessivamente adiada, que será da responsabilidade do NECA (Francisco Rasteiro) será em 19 de Janeiro de 2007, 6ª-feira, às 21.30 horas, no Auditório 1 da ESEL - Leiria. Terá como tema Expedições ao Sistema Cársico do Frade (Arrábida - Sesimbra).


O comunicado do NEL diz o seguinte:


"Promete ser uma conferência de elevada qualidade, pois o Núcleo de Espeleologia da Costa Azul (NECA) tem trabalhos de exploração espeleológica de grande interesse na serra da Arrábida. O NECA fará também apresentação pública de mais um CD acerca dos seus trabalhos espeleológicos - A Gruta da "Utopia". Esta será a última sessão de um conjunto de conferência que o NEL considera terem correspondido e ultrapassado as expectativas iniciais, tanto pela qualidade e pertinência dos temas abordados, como pela afluência do público. Agradecemos desde já a todos os que colaboraram para a concretização e divulgação destes encontros que consideramos importantes para o bom relacionamento pessoal, técnico e científico da comunidade espeleológica, assim como na sua relação com o público em geral. Sendo a última sessão, faremos uma abordagem sucinta aos conteúdos apresentados nas conferências anteriores, em jeito de conclusão."


A não faltar...

domingo, janeiro 07, 2007

A Formação dos Professores e a Ministra da Educação

Quando a actual Ministra da Educação começou a trabalhar (ou lá o que ela faz...) disse muitas coisas sobre os professores, algumas das quais não podemos repetir aqui porque não gostamos de insultos. Mas também teve atitudes correctas e corajosas, nomeadamente quando decidiu apoiar Acções sobre Ensino Experimental de Ciências para professores e quando, no novo Estatuto da Carreira Docente (ECD), decidiu que cada docente fizesse pelo menos 50% de formação na sua área específica.

Acabava-se assim a balda das Acções de Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC) vulgarmente conhecidas por Acções de Informática, em alguns professores estavam viciados, em que muitos nada aprendiam ou, se aprendiam, nada se via mudar na forma de encarar as TIC. Deste modo, o ano passado dei, como Formador de Professores, uma Acção intitulada "Introdução ao Ensino Experimental de Astronomia nos Ensinos Básico e Secundário", em Leiria, com bastantes interessados e bastante sucesso. De tal maneira que o Centro de Formação de Leiria me convidou para preparar 4 novas Acções (e dar a que já tinha dado de Astronomia novamente) no ano de 2007. Acreditando eu que a Ministra iria cumprir aquilo que pediu aos professores (que fizessem formação na sua área científica...) comecei a trabalhar na planificação de 4 novas Acções, a saber:
  • Introdução ao Ensino Experimental de Astronomia no 1º Ciclo
  • Ensino experimental de Geologia no 1º Ciclo do Ensino Básico
  • Ensino experimental de Geologia no 3º CEB e Ensino Secundário
  • A realização de Actividades Desportivas de ar livre em contexto escolar e as Ciências do Ambiente
Deu-me algum trabalho preparar estas Acções, ler textos, procurar bibliografias, tentar combinar com outros formadores para darem partes das Acções, mas consegui. Inclusive, todas já estão creditadas pelo Conselho Científico-Pedagógico da Formação Contínua, mas agora que era tempo de estas começarem a ser divulgadas, descobri que este ano não é preciso fazer formação nestas áreas e que não irei dar formação a professores este ano...

Assim, este ano, segundo a douta opinião da S.ª Ex.cia a Ministra da Educação, o que os professores precisam agora é de formação em TIC e em Bibliotecas Escolares. É curioso é que isto aconteça no momento em que entra em vigor o novo ECD, que no seu artigo 45º condiciona a avaliação do docente à participação em "acções de formação contínua que incidam sobre conteúdos de natureza científico-didáctica com estreita ligação à matéria curricular que lecciona".

É uma pena que tenhamos uma Ministra da Educação que anda a brincar às casinhas, que hoje diz uma coisa, logo a seguir pensa outra e depois é capaz de fazer tudo ao contrário - e os fantásticos Secretários de Estado que a acompanham no ministério não lhe ficam muito atrás...

E assim vai a Educação, a Escola, o Ensino das Ciências e a Formação em Portugal...!

Imagem retirado do Blog anterozóide